oscar

Joy: O nome do sucesso

por Jessica Oliveira Blaszcyk em

Sempre essa época do ano eu tento assistir o maior número possível de filmes que estão concorrendo ao Oscar pra tentar fazer minhas “apostas”. E hoje eu assisti o filme “Joy: O nome do sucesso”, com a maravilinda Jennifer Lawrence, além de grandes nomes como Robert De Niro e Bradley Cooper casa comigo?.

joy-poster-jennifer-lawrence-costumes

joy-1

O drama narra a história real da inventora Joy Mangano, uma mulher que desde a infância sempre se mostrou muito criativa, e vivia inventando utilidades. A vida dela é bem conturbada, pois ela é responsável pela mãe e pelos filhos, além de lidar com todo o drama da família, e a inveja da meia-irmã, ela tem poucas expectativas para a própria vida, até que cria um produto revolucionário.

joy05

É um pouco desesperador ver esse filme, em particular para mim, pois quando você trabalha com criatividade, e depende muito dos outros para o que você oferece ser enxergado com o seu real valor, você se coloca no lugar da personagem e pensa: será que ainda vou passar tudo isso para as coisas darem tão certo? Mas o legal é que a gente consegue enxergar “de cima”, e ver que com determinação e garra os obstáculos vão sendo enfrentados.

joy04

Filme recomendadíssimo!

Filme: Para Sempre Alice (Still Alice)

por Jessica Oliveira Blaszcyk em

Essa semana eu fui ao cinema assistir “Para Sempre Alice”, eu ainda não conhecia o Cinépolis do shopping Pátio Batel – aqui de Curitiba, então aproveitei e juntei a vontade de conhecer lá com a minha vontade de assistir esse filme.

650x375_para-sempre-alice-julianne-moore_1501015

Desde que vi o trailer achei a história bem emocionante (veja o trailer AQUI), e eu sou apaixonada pela Julianne Moore, e só me apaixonei ainda mais. A trama gira em torno da personagem que descobre que está prematuramente com Alzheimer, e mostra a reação da família e as mudanças que essa doença trouxe para a vida dela. A parte que mais me tocou foi uma frase que ela disse que é “preferia estar com câncer”, apesar de cada dor ser diferente, eu acredito que a personagem preferia estar com uma doença horrível, porém lúcida. Sentir o seu cérebro “morrendo” dia após dia, para alguém como ela que lutou tantos anos para ter o conhecimento que tinha, era algo muito mais pesado que um câncer, ela se sentia perdendo tudo aquilo que conquistou durante a vida.

Definitivamente é um filme difícil de assistir e você sai do cinema muito reflexivo (encontrei uma senhora chorando horrores no banheiro). O que eu mais gostei, é que apesar de ser um tema antigo, o ponto de vista abordado no filme foi muito fora do comum que já vimos várias vezes, e a personagem central te prende tanto que você se perde dentro da história, se sentindo parte daquilo (mereceu muito aquele Oscar!)

para-sempre-alice-3

Recomendo demais aquele filme para qualquer pessoa que deseja refletir um pouco sobre o que levamos da vida, e como lidamos com as pessoas que estão doentes ao nosso redor.

Oscar 2015 – Meus preferidos

por Jessica Oliveira Blaszcyk em

Ontem teve a tão esperada cerimônia de entrega do Oscar e eu estava eufórica acompanhando tudo, desde que começou a chegada dos artistas ao tapete vermelho. Apesar das críticas negativas que li, gostei muito da apresentação do Neil Patrick Harris, também adorei a ideia do “AskHerMore” aderida pelas atrizes cansadas de serem entrevistadas para falar somente sobre os vestidos, cabelos e maquiagens, enquanto para os atores são feitas perguntas sobre suas carreiras e projetos.

O filme premiado felizmente foi um dos poucos que consegui assistir, e fiquei muito feliz com a escolha. Bom, agora vamos falar dos looks baphônicos, porque eu quero deixar aqui registrado os meus favoritos desse ano.

Emma Stone vestiu Elie Saab (eu tenho uma adoração por essa atriz, acho uma boneca e super engraçada #Emmavamosseramigas?)

x700

Reese Witherspoon vestiu Tom Ford

x700 (1)

Rosamund Pike vestiu Givenchy

x700 (2)

Anna Kendrick vestiu Thakoon (e me matou de orgulho cantando <3)

x700 (3)

Jennifer Lopez vestiu Elie Saab (e sambou na cara das novinhas)

x700 (4)

Jennifer Aniston vestiu Versace (Jenni, miga: eu te amo, mas você tá sempre com um olhar tão cansado e tristinho… Vem cá me dar um abraço)

x700 (5)

Lupita Nyong’o vestiu Calvin Klein (eu sou obcecada por pérolas, se vejo esse vestido na minha frente provavelmente teria um ataque do coração)

x700 (6)

Zoe Saldana vestiu Versace

x700 (7)

Margot Robbie vestiu Saint Laurent

x700 (8)

A maior surpresa da noite para mim foi a Lady Gaga cantando maravilhosamente me deixando completamente arrepiada com a sua voz destruidora mesmo hein, viada!!!

Quem perdeu confere aqui:

Último comentário: eu amo essa vibe que estamos vivendo no mundo da maquiagem, onde você passa dez horas se maquiando para parecer que está com pouca maquiagem e nasceu linda assim. Beleza natural fake é vida <3