gato

Você está pronto para ter um animal de estimação?

por Jessica Oliveira Blaszcyk em

IMG_4147 Desde que essa fofura da foto entrou na minha vida (eu contei sobre AQUI), algumas pessoas começaram a me perguntar como é o comportamento dele, e expressaram sua vontade de ter um bichinho. O fato é que eu acho que uma das melhores coisas que já aconteceram na minha vida sem dúvidas foi o Argus (meu gato), mas eu pensei MUITO antes de tomar essa decisão (acho que por uns 5 anos eu cultivava essa vontade, mas entendia minhas limitações).

Se tem alguém que acredita que TODO mundo deveria ter um animal como companheiro, terapia, fonte inesgotável de risadas e amor, esse alguém sou eu. Agora dizer que todos estão preparados para as responsabilidades que vêm dentro desse pacote de alegrias, eu sei que muitos não estão. Por isso fiz esse texto, não para desanimar ninguém que está pensando em ter um pet, mas para ajudar quem está nesse momento a pensar bem se está realmente disposto a lidar com o pacote completo, como falo a seguir:

1. Animais irão viver por muitos anos:
Pelo menos uns 15 anos você terá seu amigo ao seu lado, você está preparado para realmente lidar com isso? Se mudar de onde mora para um lugar maior, poderá levar seu animalzinho? E se for para um lugar menor? Morar fora do país? Ter filhos? Não digo que é possível saber o que vai acontecer no seu futuro, mas seja sincero, se tudo mudar, sua prioridade será encaixar ele no seu novo estilo de vida?

2. Eles ficam doentes:
Pode ser que ele fique doente MUITAS vezes, como foi o caso do meu, ou que você leve ele ao veterinário raramente, mas já parou para pensar quando isso acontecer se você está disposto a cuidar dele assim? Além de pagar veterinário e remédios que geralmente são caros, você tem que dar os medicamentos nos horários certos e deixar seu animal o mais confortável possível durante esse período. É o mesmo cuidado que você teria com uma criança, igualzinho mesmo.

3. Precisam de atenção:
Você nunca para em casa? Ama viajar e passar muuuuitos dias fora? Não tem tempo de passear com ele, ou de brincarem e se divertirem juntos? Talvez o seu ritmo de vida não seja o melhor para ter um bichinho, já vi gente deixando o animal trancado em um banheiro minúsculo, ou nunca ter tido tempo de levá-lo para passear na rua (no caso de cachorros) e brincar com eles. O resultado são animais estressados e deprimidos.

4. Necessidades básicas:
Já falei que eles ficam doentes e dão despesas, certo? Mas isso pode ou não acontecer, agora uma coisa é certa: eles sempre vão precisar comer e fazer suas necessidades fisiológicas. Alimentá-los com uma ração de boa qualidade além de melhorar a qualidade de vida do animal, é algo que custa caro. Se for um gato, também tem a areia, e os cachorros tem as fraldinhas descartáveis e os banhos semanais. Você tem no seu orçamento esses valores disponíveis? Ah, sem contar que quem vai ter que lavar os potes, recolher xixi, cocô e colocar comida todos os dias será você. Quando ele está mal e vomita, adivinha quem tem que limpar? Pois é, você mesmo!

5. Eles podem soltar MUITOS pelos:
Se você não tem tempo para escovar seus animais, saiba que vai ter um grande problemas com pelos voando pela casa toda. Parecem até aquelas bolas de feno em filme de faroeste, rolando pela casa. Pensa na sua roupa toda cheia de pelos, aquele seu casaco preferido todo “sujo”. Já pensou? Tem épocas do ano que a gente não vence e parece que os pelos são multiplicados por mil. Além de pelos, eles sujam a casa, fazem bagunça e não tão nem aí se você a-ca-bou de limpar tudo.

IMG_4160 Se você leu todo esse texto e não desanimou, parabéns! Você está preparado para amar e ser amado sem limites. Agora se ficou um pouco assustado, talvez seja hora de repensar a sua decisão. Já vi inúmeros casos de pessoas que no calor do momento pegam o bichinho, depois vêem o trabalho que é cuidar deles e devolvem, ou pior, abandonam nas ruas :( não pode isso, gente! Eles também têm sentimentos e se apegam as pessoas.

IMG_3047

Esse post de forma alguma tem a intenção de dizer para as pessoas não adotarem ou terem animais, apenas quis alertar para a consciência que deve vir junto com essa decisão, afinal estamos falando de outra vidinha envolvida nesse processo, que vai sofrer muito, mas muito, se algo der errado.

Cuidados com o pet: Limpeza dos olhos

por Jessica Oliveira Blaszcyk em

Sábado de manhã é uma delicia. Enquanto o papai trabalha, eu e o Argus ficamos até tarde na cama, brincando, cochilando, fazendo carinho…

A parte mais legal de ter um gato, é que eles são tão higiênicos que você dorme com eles na cama sempre, sem nenhum inconveniente. O meu, por exemplo, só dou banho uma vez por mês e esse tempo todo entre um banho e outro ele continua cheiroso e limpinho.

Porém para um banho durar tanto, eles dependem dos nossos cuidados – algumas coisas infelizmente eles não conseguem fazer sozinhos – e uma delas é limpar os olhinhos. Por causa da raça do meu (Persa Exótico) quase sempre seus olhinhos estão lacrimejando (devido aos dutos lacrimais encurtados), eu já fui à veterinária e tratei com colírios, com pomada e no fim aceitei que ele sempre vai estar com os olhinhos escorrendo lágrimas.

Mas felizmente existem alguns truques que a gente pode fazer no dia-a-dia. A nossa vet ensinou a molhar gaze no chá de camomila para limpar os olhos, além de natural a camomila tem efeito clareador, deixando os pelos com uma aparência mais limpa (é importante sempre usar gaze mesmo, pois algodão se desmancha e entra fiapos nos olhos deles). No começo eu fazia isso, mas agora descobri uma linha de lenços umedecidos que agilizou a minha vida. Serve para gatos e cachorros – e eu pesquisei na internet que existem diversas outras marcas que cumprem essa mesma função, mas nós estamos usando um da marca Wipes Solution – Pet Solution.

IMG_2978Argus acordando com olhinhos todos sujos e carinha de louco

IMG_2984

ai ti peguiça de vivê maimzinha

IMG_2985“vem ficar limpinho menino!”

IMG_2992ponto, to linduco?

IMG_2991I’m sexy and I know it

IMG_2960o lenço que temos usado da Pet Solution

IMG_3001pronto pra eu encher de beijos

Apresentação4

Lojas Online: Stúdio Orca

por Jessica Oliveira Blaszcyk em

Bom gosto e exclusividade, em poucas palavras eu definira assim a loja online Studio Orca. Com quase um ano de mercado, a empresa já conquistou milhares de fãs nas redes sociais e sempre traz para sua “vitrine” produtos super ousados.

Desktop6

Na minha primeira compra eu escolhi duas capinhas de pelúcia para iPhone e um anel de gatinho para não tirar mais e lembrar do meu Argus.

17987_507712795954040_356985485_n

Se quiser entrar em contato e ser muito bem tratado o e-mail é studioorca@hotmail.com e também no Facebook: Studio Orca.

Meus produtos chegaram super-rápido e a qualidade deles é incontestável. Hoje quando entrei no site vi que estão com frete grátis para compras acima de 300,00 reais. Corre lá.

Apresentação4

O que ter quando se tem um gato?

por Jessica Oliveira Blaszcyk em

A primeira coisa que a gente quer quando pega um pet novo é encher ele de mimo, leia-se comprar coisinhas. O meu mal chegou e eu já fui no pet, queria casinha, queria mil brinquedos (mesmo depois de estar careca de ter animais e saber que não deveria ser tão ansiosa), e no fim aprendi na marra uma grande lição: Antes de sair comprando tudo que vê pela frente, se acostume com o animal e entenda do que ele gosta.

Digo isso porque gato, por exemplo, é extremamente fácil (e barato) de agradar. Ele precisa de alguns itens básicos, claro, mas o resto você vai se virando. Um exemplo foi a casinha do Argus, eu comprei uma pela internet, quando chegou era pequena e a cama ficava pendurada, ou seja, ele odiou, porque ele gosta de estabilidade, não pisa em lugares que não tem a certeza que são firmes, e foi um sacrifício fazê-lo entrar na caminha, e desisti. Para minha sorte a casinha veio com um defeito, e eu consegui trocar e pegar reembolso, se não teria ficado com um prejuízo alto. Outra coisa que gastei muito e foi desnecessário foi com brinquedos. Gato gosta mesmo é de bolinha de papel amassada, pena de aves, nada caro ou que você precise comprar (o meu só brinca com um único brinquedo comprado que é esse ratinho aqui, o resto tá guardado porque ele ignora). Snacks comprei de todas as marcas e sabores, e ele só quis saber da ração e no máximo Whiskas sachê (que só dou uma vez por semana aos domingos, porque digo que nesse dia até o almoço dele tem que ser diferente).

Outra coisa que deve se ter atenção é na hora de gastar com coisas como bebedouros diferentes. Gato gosta de água corrente, e o meu é LOUCO por uma pia pingando água. Pra quem vai deixar o gato dormir na cama já digo: nem precisa de casinha, o meu gato depois que troquei a casinha dele, ficou um mês sem casinha e não sentiu falta. Hoje que ele tem a casa dele, vira e mexe ainda encontro ele de madrugada dormindo no sofá ou nas cadeiras da sala.

Por isso, como disse antes, o ideal é conhecer o felino, ver que manias ele tem, como ele se comporta. As vezes você acha que está protegendo ele do frio colocando roupa, e ele está morrendo de calor e deitando no chão ou em lugares frios pra se refrescar. Ou gasta rios de dinheiro com uma casinha, mas o que ele gosta mesmo é de dormir na sua cama, ou no sofá – e fica mais feliz quando você deixa para ele uma caixa de papelão do que uma casinha chique.

guiagato001

Logo que o Argus foi pra casa, pesquisei muito na internet “o que comprar” e achei esse desenho bem bacana no Just Lia

Desta lista posso dizer de cara o que acho mais importante:

  • Tigelas
  • Ração
  • Areia
  • Desinfetante
  • Caixa de areia
  • Cortador de unhas
  • Arranhador

E com o tempo você vai adicionando as coisas que achar necessário nesse “enxoval” básico.

Apresentação4

 

 

Dica para as gateiras: App para os felinos

por Jessica Oliveira Blaszcyk em

Essa é para as gateiras que tem iPhone (ou de preferência iPad): Apps para os felinos. É uma graça ver os bichanos brincando com esses aplicativos. Eu encontrei uns na apple store e depois descobri na internet vídeos de outros gatos brincando com esse tipo de joguinho. Como eles são muito atenciosos e ficam atrás de qualquer coisa que se mexa, dá super certo esse tipo de aplicativo.

IMG_2200

sim, tenho uma pasta com o nome do meu gato

1) Cat Fishing: é o que eu mais gosto, pois acho o design fofo e tem vários níveis. Quanto mais você “mata” os peixes, mais aparecem. Foi o jogo que o Argus aprendeu melhor a jogar.

2) Humano-gato: com esse quem se diverte sou eu, porque tem gravação de vários tipos de miados e ele fica procurando com cara de assustado.

3) Cat Game: a ideia do app é imitar uma luz de laser, não sou muito fã desse não.

4) Cat Toys: fica um ratinho roxo correndo dentro de uma caixa, e o gato fica olhando e tentando bater, mas ao contrário do Cat Fishing não tem fases no jogo.

Agora só falta inventarem algo pra notebook, para o meu gato perceber que não é feito para ele dormir e que serve para outras coisas. Haha.

Apresentação4